20180517 JeanMonteiro OficinaCorteCosturaCEU abre“Permitir uma troca de experiência e saber e, assim, fazer com que mais pessoas tenham conhecimento e um dinheiro extra: essa é a ideia das oficinas de Mercado de Trabalho e Geração de Renda”. Dessa forma, a secretária de Cidadania, Trabalho e Empreendedorismo, Tatiana Tanara, definiu o projeto que, nesta quinta-feira (17), promoveu uma aula experimental da oficina de Corte e Costura, que passa a ser oferecido ao público em geral no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), gratuitamente.

O restante das aulas ocorrerão todas as quartas-feiras, a partir das 14h. A sala conta com seis máquinas de costura, a maioria delas de padrão industrial. O curso será ministrado pela voluntária e artesã Sabrina Minhos, que confecciona bolsas, almofadas e bonecas utilizando restos de calça jeans como matéria prima.

A professora adora ensinar sobre corte e costura. “É bom poder repassar adiante o conhecimento. É uma forma de ajudar as outras pessoas a conseguirem até um complemento na renda. Acredito que a turma aproveitará o que for ensinado”, disse Sabrina. Se depender das alunas, empenho não vai faltar. Uma das participantes da oficina é Mariângela Souza, 54 anos. “Não tenho muito conhecimento de costura, apesar de ter uma máquina em casa. Mas estou disposta a fazer e aprender coisas novas”, falou a dona de casa.

Além da costura, a Secretaria Municipal de Cidadania, Trabalho e Empreendedorismo conta com outros tipos de capacitações que incentivam o empreendedorismo criativo como uma ferramenta de inserção no mercado de trabalho e geração de renda para as famílias. As capacitações abordam temas como moeda social e orientam sobre gastronomia (produção de tortas, biscoitos e bolachas, entre outros) e confecção de artigos de artesanato (crochê, tricô, pano de prato, bonecos em biscuit e madeira, entre outros). Interessados em participar podem se inscrever diretamente no departamento de Ação Social da SMCTE (Rua Eng. Hener de Souza Nunes, 150), das 8h às 12h. As atividades são gratuitas.


Texto: Jean Monteiro

 

gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1
gallery1 gallery1 gallery1